1a FLIB - Feira Literária de Betim, no Monte Carmo Shopping, de 24 a 30 de Outubro de 2018

Faltam

0 0 0 0

Betim recebe sua primeira Feira Literária, a FLIB, mais uma atividade criada pelo programa Rota do Saber, que chega ao município com o objetivo de democratizar o acesso de crianças, jovens e adultos a uma intensa programação literária e cultural entre os dias 24 e 30 de outubro.

A 1ª edição da FLIB traz em sua essência a interação entre escola e comunidade e o diálogo da literatura com diversas artes e saberes – ciência, música, teatro, artes visuais, culturas populares e tradicionais –, celebrando encontros e valorizando distintas experiências. A Feira conta com a participação de diferentes editoras nacionalmente conhecidas e, também, é um momento de apresentação dos projetos de português, matemática e artísticos desenvolvidos pelas escolas municipais participantes do programa Rota do Saber.

São homenageados no evento os escritores Conceição Evaristo e Walter Lara, que, com palavras e imagens nos oferecem narrativas para ver o mundo em que vivemos e as relações das quais fazemos parte, está pautada no entendimento da literatura como rota para muitos e diversos saberes.

Conceição Evaristo
Conceição Evaristo

Walter Lara
Walter Lara

A homenagem a Conceição Evaristo e Walter Lara, que, com palavras e imagens nos oferecem narrativas para ver o mundo em que vivemos e as relações das quais fazemos parte, está pautada no entendimento da literatura como rota para muitos e diversos saberes. Com suas tintas e letras somos convocados – crianças, jovens e adultos – a caminhos, com os desvios exigentes das artes, que nos oferecem histórias, realidades sociais distintas, sonhos, angústias e medos que constituem nossa humanidade e que nos permitem conhecer quem somos e o tempo em que vivemos. De sua pequena aldeia, Conceição Evaristo e Walter Lara propõem uma rota para saber, conhecer e compreender.

Rota do Saber é um programa criado pela Fiat Chrysler Automóveis (FCA) em parceria com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico (BNDES) e gestão intersetorial envolvendo a empresa, o Instituto Ramacrisna e a Prefeitura de Betim, por meio da Secretaria de Educação. O objetivo da iniciativa é promover a melhoria da qualidade do ensino fundamental, ao realizar a qualificação dos educadores, e oferecer conteúdos e atividades direcionadas aos estudantes.

Cursos de formação, oficinas e seminários são as ferramentas para engajar educadores, com conteúdos que foram pensados a partir da realidade desses profissionais e das escolas e apresentam práticas inovadoras e reconhecidas. Com duração de 15 meses, o Rota do Saber abrange todas as 69 escolas municipais dos 189 bairros da cidade, beneficiando cerca de 1.200 educadores, entre diretores, vice-diretores, pedagogos, professores de 4º e 5º ano e professores de Português e Matemática do 6º ao 9º ano.

Atividades educativas e culturais foram elaboradas a partir de um diagnóstico que apontou as necessidades de melhoria no aprendizado de Língua Portuguesa e Matemática. Feira Literária, Concurso de Redação, Mala de Leitura (Biblioteca itinerante), Campeonato de Fatos, Rota Matemática, dentre outras ações, são realizadas para fortalecer o aprendizado das disciplinas com criatividade. No total, o programa irá impactar cerca de 30 mil alunos diretamente, além de ações que envolvem toda a escola e que contemplarão aproximadamente 41 mil alunos.

Os resultados do programa serão mensurados pelos sistemas de avaliação do Ensino Fundamental, que são: o IDEB do Ministério da Educação (MEC), o PROEB da Secretaria de Estado de Educação, e o Avalia Betim da Secretaria Municipal de Educação.

 

Conceição Evaristo
Conceição Evaristo, ficcionista e ensaísta. Mestre em Literatura Brasileira – PUC/Rio, Doutora em Literatura Comparada – UFF.

Sua primeira publicação (1990) foi na série Cadernos Negros, grupo Quilombhoje, coletivo de escritores afro-brasileiros de /SP. Participa das antologias: Schwarze prosa e Schwarze poesie; Moving beyond boundaries: international dimension of black women’s writing (Alemanha); Women righting – Afro-brazilian Women’s Short Fiction, (Inglaterra); Finally Us: contemporary black brazilian women writers; Fourteen female voices from Brazil (Estados Unidos); Chimurenga People (África do Sul). Individuais: Ponciá Vicêncio (romance) traduzido para o inglês e francês; Becos da memória (romance), traduzido para o francês; Poemas da recordação e outros movimentos (poesia); Insubmissas lágrimas de mulheres (contos); Olhos d’água (contos).

Tem participação em vários eventos internacionais como convidada, proferindo palestras em diversas Universidades nos Estados Unidos, no México, em Costa Rica, em Cuba, em Moçambique, em São Tomé e Príncipe, na França, Inglaterra e Áustria.

A produção da escritora é ampla, se inscreve no campo da poesia, da prosa e ainda no ensaio literário. Conceição Evaristo escreve sobre temas relacionados a educação, gênero e relações étnicas na sociedade brasileira. Tanto a sua obra literária como a ensaística tem sido pesquisada por estudiosos de vários campos de conhecimentos.

Além de participar de eventos propostos nos meios acadêmicos, Conceição Evaristo tem marcado a sua presença nos movimentos sociais, notadamente nos que se relacionam com a luta dos afro-descendentes. Ela tem se apresentado ainda em vários eventos, contando histórias de sua própria autoria, assim como de outros/as autores/as, buscando inspirar-se na oralidade da cultura afro-brasileira.

Walter Lara

Walter Lara nasceu em Betim, em 1952. É artista plástico e já ilustrou dezenas de livros.

Nos últimos anos se tornou também autor com O artesãoComo nascem os pássaros azuis e Na biblioteca da Rua Direita, todos publicados pela editora Abacatte.

Galerias

Exposição – Jornada Literária
Apresentações – Jornada Literária
Feira de Livros
Atividades Formativas
Atividades Formativas, Mesas e Oficinas
Narração de Histórias
Intervenção Artística – Cochicho Poético
Abertura com Zeca Baleiro – 24/10
Abertura Exposição Walter Lara – 25/10
Homenagem e Palestra – Conceição Evaristo 25/10
Noite Cultural com educadores da SEMED – 26/10
Lançamento de Livros – 27/10
Mesa e Homenagem – Walter Lara 27/10
Hora de Premiar – Jornada Literária 29/10
VIII Seminário da Rede de Leitura Sou de Minas, Uai! – 30/10

Programação

Feira de Livros

8h30 às 20h, domingo 14h às 20h
Térreo

Exposição: Trabalho dos alunos das Escolas Municipais de Betim dentro da Jornada Literária – Projeto Rota do Saber

10h às 22h, domingo 14h às 20h
Corredores do shopping e Espaço Walter Lara (subsolo)

Exposição: Walter Lara – o artesão de histórias

De 25/10 a 24/11, seg. a sex. das 8h ás 17h30
Local: Museu Paulo Araújo Moreira Gontijo (Av. Governador Valadares, 115, Centro, Betim)

Atividade Horário Convidado Mediador Espaço
Apresentação Jornada Literária 8h30 às 10h30 e 13h30 às 16h Apresentação alunos das Escolas Municipais de Betim dentro da Jornada Literária – Projeto Rota do Saber Praça de Alimentação (superior)
Atividade formativa – Adolescentes e leitura: aproximações possíveis
Fazer inscrição
8h às 11h Daniela Figueiredo Espaço Conceição Evaristo (térreo)
Mesa – Leitura e Acessibilidade
Fazer inscrição
14h30 às 16h Wander Ferreira, Cleide Fernandes e Representante CRAEI – Centro de Referencia e Apoio a Educação Inclusiva Cleide Moura Espaço Conceição Evaristo (térreo)
Intervenção artística no shopping 10h às 12h e 14h as 16h Cochicho Poético Corredores do shopping
Cerimônia de abertura e mesa – Líricas: poesia e música
Fazer inscrição
18h30 às 20h30 Zeca Baleiro Daniella Zupo Espaço Conceição Evaristo (térreo)

Atividade Horário Convidado Mediador Espaço
Apresentação Jornada Literária 8h30 às 10h30 e 13h30 às 16h Apresentação alunos das Escolas Municipais de Betim dentro da Jornada Literária – Projeto Rota do Saber Praça de Alimentação (superior)
Atividade Formativa – Literatura e teatro na escola
Fazer inscrição
8h às 11h Odilon Esteves Espaço Conceição Evaristo (térreo)
Lançamento – Exposição Walter Lara: o artesão de histórias 17h às 18h Museu Paulo Araújo Moreira Gontijo
Homenagem e Palestra – Escrevivência: ler, escrever e se ver 19h às 21h Conceição Evaristo Rosália Diogo Espaço Conceição Evaristo (térreo)

Atividade Horário Convidado Mediador Espaço
Intervenção artística no shopping 10h às 12h e 14h as 16h Cochicho Poético Corredores do shopping
Apresentação Jornada Literária 8h30 às 10h30 e 13h30 às 16h Apresentação alunos das Escolas Municipais de Betim dentro da Jornada Literária – Projeto Rota do Saber Praça de Alimentação (superior)
Atividade Formativa – As brincadeiras na rota do saber
Fazer inscrição
8h às 11h Gandhy Piorski Mailine Bahia Espaço Conceição Evaristo (térreo)
Atividade Formativa – A mediação de livros com crianças: uma experiência de leitura
Fazer inscrição
14 às 17h Jéssica Tolentino Espaço Conceição Evaristo (térreo)
Noite Cultural 19h às 21h30 Educadores da Secretaria Municipal de Educação de Betim Praça de Alimentação (superior)
Slam Clube da Luta convida Slam das Manas 20h Slam das Manas e Slam Clube da Luta Rogério Coelho Espaço Walter Lara (subsolo)

Atividade Horário Convidado Mediador Espaço
Narração de histórias 10h às 12h e 13h às 15h Kombi Florinda Entrada da Feira
Oficina de sensibilização – Desenhar histórias 11h às 13h Suryara Bernardi Espaço Conceição Evaristo (térreo)
Lançamentos de livros diversos (aberto para escritores)
Fazer inscrição
16h às 19h Diversos Espaço Walter Lara (subsolo)
Conversa em Quadrinhos 14h às 15h30 Quadrinistas Rebeca Prado e Vitor Caffagi / Turma da Mônica Afonso Andrade (BH) Espaço Walter Lara (subsolo)
Narração de história do livro “As árvores invisíveis” e “Brincando de Deus” 15h às 15h40 Leida Reis e Caberto Pimenta (Páginas Editora) Espaço Conceição Evaristo (térreo)
Mesa – A literatura na rota de todos os saberes 17h às 18h30 Daniel Munduruku e Marilda Castanha Marta Reis Espaço Conceição Evaristo (térreo)
Mesa – Homenagem a Walter Lara 19h às 20h30 Walter Lara Cristina Santos e Alunos da Rede Pública Espaço Conceição Evaristo (térreo)
Aula-show – “Poema noturno”, Pedro Morais canta Drummond 20h às 21h Pedro Morais Praça de alimentação (superior)

Atividade Horário Convidado Mediador Espaço
Narração de histórias 14h às 16h Kombi Florinda Entrada da Feira
Narração de histórias – Primeiras leituras 14h às 15h Cia. Pé de Moleque – Juliana Daher e Isaac Luís Praça de alimentação (superior)
Oficina de Arte Urbana e Poesia: Lambes 14h às 17h Larissa Albertti Espaço Walter Lara (subsolo)
João conta história 16h30 às 17h Geleia e Gelatina (Eis Editora) Espaço Conceição Evaristo (térreo)
Apresentação cênico-literária – Para abrir uma janela 18h Odilon Esteves Espaço Conceição Evaristo (térreo)

Atividade Horário Convidado Mediador Espaço
Apresentação Jornada Literária 8h30 às 10h30 e 13h30 às 16h Apresentação alunos das Escolas Municipais de Betim dentro da Jornada Literária – Projeto Rota do Saber Praça de Alimentação (superior)
Atividade Formativa – Alice no país dos números, da lógica, das artes e das maravilhas
Fazer inscrição
8h30 às 11h Jacques Fux Espaço Conceição Evaristo (térreo)
Hora de premiar 18h às 20h Premiação Praça de Alimentação (superior)
Gugu Moicano: Senta que lá vem história 18h às 18h30 Gugu Moicano (Editora Magia dos Livros) Espaço Walter Lara (subsolo)
Palestra Marcos Mota 18h30 às 19h30 Marcos Mota Espaço Walter Lara (subsolo)
Palestra – Pai tem que fazer tudo 19h30 às 20h30 Bruno Santiago Rosana Mont’Alverne Espaço Conceição Evaristo (térreo)

Atividade Horário Convidado Mediador Espaço
Apresentação Jornada Literária 8h30 às 10h30 e 13h30 às 16h Apresentação alunos das Escolas Municipais de Betim dentro da Jornada Literária – Projeto Rota do Saber Praça de Alimentação (superior)
VIII Seminário da Rede de Leitura Sou de Minas, Uai! Bibliotecas Comunitárias em ação: seus desafios e conquistas na luta pela literatura como direito humano
Programação e Inscrição
10h às 19h30 Espaço Conceição Evaristo (térreo)

Lançamento de livros diversos

Preencha o formulário abaixo e aguarde nosso retorno sobre a viabilidade.

Afonso Andrade

Afonso Andrade é coordenador e curador do FIQ – Festival Internacional de Quadrinhos, realizado pela Prefeitura de Belo Horizonte, o maior evento do gênero no País. É criador do projeto Conversa em Quadrinhos, apresentador e host dos programas Momento Geek e Podcast Cultura Geek, na Rádio Inconfidência.

Cleide Fernandes

Cleide Fernandes é bacharel em Biblioteconomia (UFMG) e diplomada em Gestão de Bibliotecas Públicas pela Universidad Alberto Hurtado, no Chile. Integra, desde 2015, o International Network of Emerging Library Innovators (INELI), implementado pelo Centro Regional para el Fomento del Libro en América Latina y el Caribe (CERLALC) e a Fundação Germán Sánchez Ruipérez.

Atualmente é responsável pelo Sistema Estadual de Bibliotecas Públicas Municipais, da Superintendência de Bibliotecas Públicas e Suplemento Literário, instituição na qual tem desenvolvido, nos últimos doze anos, projetos de promoção da leitura e formação de leitores.

Cia. Pé de Moleque

Formada pela terapeuta ocupacional e narradora de histórias, Juliana Daher e pelo músico e narrador de histórias Isaac Luís, a Cia. Pé de Moleque se dedica à cultura da infância, realizando atividades que envolvem literatura, música e brincadeiras.

Daniel Munduruku

Daniel Munduruku é escritor indígena, graduado em Filosofia e tem licenciatura em História e Psicologia. É doutor em Educação (USP) e pós-doutor em Linguística pela Universidade Federal de São Carlos (UFSCar). É diretor-presidente do Instituto UKA – Casa dos Saberes Ancestrais.

Autor de dezenas de livros para crianças, jovens e educadores, recebeu prêmios literários no Brasil e no exterior.

Daniela Figueiredo

Daniela Figueiredo é pedagoga (UEMG), com especialização em Adolescência e Relações de Gênero (Newton Paiva) e Mestrado em Educação e Inclusão Social (UFMG).

Trabalhou durante 8 anos na Secretaria de Estado de Educação de MG, especialmente com a formação de professoras alfabetizadoras e, atualmente, trabalha na Fundação Municipal de Cultura, onde acompanha projetos relacionados à Bibliotecas e Centros Culturais.

Gandhy Piorski

Gandhy Piorski é artista plástico e pesquisador das práticas da criança. Teólogo e Mestre em Ciências da Religião, realiza pesquisas nas áreas de culturas, produções simbólicas, antropologia do imaginário e filosofias da imaginação. No campo das visualidades discute as narrativas da infância, seus artefatos, brinquedos e linguagens, criando com isso exposições, realizando curadorias, propondo intervenções. Atualmente consultor do Instituto Alana.

Jacques Fux

Jacques Fux é formado em Matemática, mestre em Ciência da Computação, doutor em Literatura Comparada (UFMG) e Docteur em Langue, Littérature et Civilisation Françaises pela Université de Lille 3, França. Foi pesquisador visitante na Universidade de Harvard (2012-2014). Pós-doutor em Teoria Literária pela UNICAMP e pela UFMG.

Com seu livro de crítica literária “Literatura e Matemática: Jorge Luis Borges, Georges Perec e o OULIPO” (Perspectiva, 2016) venceu o Prêmio Capes pela melhor tese do Brasil em Letras/Linguística e foi finalista do Prêmio APCA. Foi também vencedor do Prêmio São Paulo de Literatura com seu primeiro romance, “Antiterapias” (Scriptum 2012). Autor de “Brochadas: confissões sexuais de um jovem escritor” (Rocco, 2015) – Prêmio Nacional Cidade de Belo Horizonte e “Meshugá: um romance sobre a loucura” (José Olympio, 2016), vencedor do Prêmio Manaus de Literatura 2016 e Nobel (José Olympio, 2018). Em 2017 foi um dos convidados da programação principal da FLIP – Festa Literária Internacional de Paraty. Também foi finalista do Prêmio Barco a Vapor e escritor residente na Ledig House em New York. Seus livros serão publicados em Italiano, Espanhol e Hebraico em 2019.

Jéssica Tolentino

Jéssica Tolentino é formada em Letras e cursa o mestrado na área de edição e literatura infantil pelo CEFET-MG. É membro do Grupo de Pesquisa em Letramento Literário da UFMG e trabalha como assistente editorial na Editora Aletria.

Larissa Alberti

Larissa Albertti é artista, professora de Literatura e pesquisadora. É formada em Letras (UFMG) e mestre em Literatura (CEFET-MG), onde pesquisou relações entre a poesia e a arte urbana no trabalho do Coletivo Transverso. Desde que iniciou sua pesquisa de mestrado, em 2013, desenvolve intervenções artísticas no espaço urbano, experimentando o potencial da poesia de ressignificar a cidade. Atualmente é também professora de Literatura do Ensino Médio, em Belo Horizonte.

Mailine Bahia

Mailine Bahia Fernandes possui graduação em Artes Visuais (UFMG), bacharelado em escultura (2009) e licenciatura (2011). Bolsista de iniciação científica (FAPEMIG) pela Faculdade de Educação na área de Sociologia da Educação. Especialista em Gestão Cultural pela UNA (2013).

É responsável pelo Programa Educativo do Sesc Palladium desde 2012. Desenvolve a programação infantil do Centro Cultural além de ações educativas das exposições na galeria de arte GTO; criação, gestão, produção e pós-produção de projetos interdisciplinares de diversas linguagens artísticas e em parceria com a Secretaria Municipal de Educação de Belo Horizonte (SMED), além de fazer a gestão da equipe de arte educadores com foco nas atuais discussões acerca da arte e seus desdobramentos na educação. Em 2017 coordenou a ação educativa da mostra “Ação para Erguer Colinas” do projeto contemplado com o prêmio Funarte de Arte Contemporânea.

Em 2014, integrou a Comissão Organizadora do I Simpósio Internacional de Educação em Museus: Processos de Formação da Rede Informal de Museus e Centros Cultural de Belo Horizonte e Região Metropolitana (RIMC) onde também mediou a mesa de comunicação de relatos de experiências educativas.

Em outubro de 2012 fez a concepção do Programa Educativo para a exposição Design de Carros no Brasil – rupturas e inovações na Casa Fiat de Cultura. Atuou como coordenadora executiva do Programa Educativo das seguintes exposições da Casa Fiat de Cultura: Caravaggio e seus seguidores (2012), De Chirico e o sentimento da arquitetura (2012), Roma: A vida e os Imperadores (2011), Tarsila e o Brasil dos modernistas (2011), Rodin do atelier ao museu (2010) e Marc Chagall sonho e vida (2010).

Foi professora de arte concursada em Betim entre 2010-2011. Foi parecerista do Prêmio Cultura Viva 2º edição 2010. Criou e desenvolveu a implantação do Programa Educativo do Museu de Liturgia em Tiradentes (2012). Trabalhou como arte educadora no Instituto Inhotim (2010-2011). Trabalhou como arte educadora e propositora de ações educativas para diversas exposições no Palácio das Artes entre os anos de 2004 a 2008.

Marilda Castanha

Marilda Castanha formou-se em Belas Artes. Tem dezenas de livros ilustrados e participações em exposições, no Brasil e no exterior, como por exemplo na mostra “Le Imaggini de la Fantasia” (Sarmede, Itália). Em 2011 teve um de seus títulos selecionado para a White Ravens. Entre os prêmios recebidos destacam o Jabuti de Ilustração (2000 e 2011), o Prix Graphique Octogone (Paris), o Runner Up (Japão) e em 2017, com o livro “Sem Fim”, o Nami Concours (Coreia do Sul), na categoria Purple Island. Atualmente vive e trabalha em Santa Luzia, próximo a Belo Horizonte.

Marta Reis

Marta Reis é mineira de Martinho Campos, mas mora na grande BH há quase trinta anos. Ela é professora de Língua Portuguesa aposentada das redes municipais de Belo Horizonte e Betim. Também é poeta, escritora infantojuvenil e contista premiada em vários concursos literários. Pela Geração Editorial publicou dois livros infantojuvenis: “Uma Viagem Inesquecível”, que em 2016 foi listado pela Revista Recreio dentre os cinco melhores livros infantis para incentivar a leitura e “O Ratinho do Violão”, aprovado para o PNLD 2018/2019, ambos ilustrados por Thais Linhares. Como escritora e educadora valoriza muito o respeito à diversidade, pois acredita ser este o caminho para um mundo melhor.

Marta também é ativista social e cultural, ajudando na elaboração de projetos em Ong´s e em comunidades quilombolas de Belo Vale MG. Por seu trabalho como ativista em prol de causas diversas recebeu títulos nacionais e internacionais de várias instituições. Sobretudo, Marta Reis é alguém que faz da militância e da arte seu canto de amor e luta.

Odilon Esteves

Odilon Esteves é ator, professor e diretor de teatro. Formou-se no Curso Técnico de Teatro do CEFART (Centro de Formação Artística do Palácio das Artes) e graduou-se no Curso Superior de Artes Cênicas da UFMG. É membro-fundador da Cia. Luna Lunera, de Belo Horizonte/MG, com a qual realizou diversos espetáculos.

Com incursões pelo cinema e TV, trabalhou em diversos longas-metragens, na minissérie “Queridos Amigos”, da TV Globo, e no docudrama “Sertão: Veredas”, produzido pela Bossa Nova Films.

Rebeca Prado

Rebeca Prado é professora do Curso Técnico e Desenho Artistico e Arte para Crianças na Casa dos Quadrinhos e ilustradora, produtora editorial e animadora formada pela Universidade Federal de Minas Gerais.

Começou a se aventurar nos quadrinhos em 2009 e já publicou o zine “A Raposa e as Uvas” e os gibis independentes “Baleia #1” e “Baleia #2”. Em 2015, lançou o primeiro livro da pequena Lif, a protagonista de “Navio Dragão”.

Rosália Diogo

Rosália Diogo é professora de Educação Básica na Rede Municipal de Educação de Belo Horizonte, jornalista, Mestra em Psicologia Social (UFMG), Dra. em Letras/ Literatura (PUCMinas) e Pós-doutora em Antropologia Social pela Universidade de Barcelona.

Conselheira Municipal de Promoção da Igualdade Racial de Belo Horizonte, curadora do Instituto Cultural Casarão das Artes, diretora de redação da Revista Canjerê, chefe do Centro de Referência da Cultura Popular e Tradicional Lagoa do Nado e autora dos livros “Mídia e Racismo” e “Rasuras no Espelho de Narciso”.

Slam Clube da Luta

Slam Clube da Luta é uma competição de poesia falada, o primeiro slam da capital mineira e acontece regularmente desde 2014, uma vez por mês, no
Teatro Espanca. A modalidade é reconhecida mundialmente há mais de 30 anos, em circuitos com competições regionais e mundiais.

O Slam Clube da Luta já teve um representante na França, na copa do Mundo da poesia em 2015.

Slam das Manas

O Slam das Manas é uma competição de poesia autoral. Cada participante tem o limite de 5min para ler, recitar, interpretar e/ou performar sua poesia.

Suryara Bernardi

Suryara Bernardi é ilustradora.

Vitor Caffagi

Vitor Caffagi é professor de Narrativa Visual, Roteiro e Criação de Personagens na Casa dos Quadrinhos e formado em Desenho Industrial com habilitação em Design Gráfico pela Escola de Design da Universidade do Estado de Minas Gerais – UEMG.

Despontou no mundo dos quadrinhos com a webtira Puny Parker, que narra a infância do seu herói favorito, Homem-Aranha. Esse foi o primeiro passo para outros trabalhos de destaque, como as graphic novels Laços e Lições, estreladas pela Turma da Mônica, o trabalho autoral Duotone e a tira Valente, publicada no jornal O Globo.

Vitor já ganhou diversas vezes o Troféu HQ Mix.

Zeca Baleiro

Zeca Baleiro nasceu em 11 de abril de 1966 em São Luís do Maranhão. Seu primeiro disco, “Por Onde Andará Stephen Fry?”, foi lançado em 1997. O álbum, com sua mistura de ritmos e referências musicais diversas, canções líricas e a verve afiada de humor e ironia, foi recebido com entusiasmo por público e imprensa. Ao longo destes 21 anos, lançou dez discos de estúdio, cinco cds ao vivo, nove dvds e vários projetos especiais , em que se destacam o álbum em parceria com a poeta Hilda Hilst, “Ode descontínua e remota para flauta e oboé – de Ariana para Dionísio”; “Café no Bule”, em parceria com Paulo Lepetit e Naná Vasconcelos; e “Zoró”, projeto para crianças que inclui o cd Zoró, um aplicativo e o dvd de animações “A Viagem da Família Zoró”. Em 2017 inaugurou a série de álbuns digitais “Arquivo”, que saem pelo seu próprio selo, Saravá Discos. Os primeiros, “Arquivo_Duetos 1” e “Arquivo_Duetos 2”, reúnem colaborações de Zeca Baleiro com artistas brasileiros e da França, Japão, Portugal e Uruguai. Após dois volumes de duetos, em 2018 Zeca Baleiro reuniu gravações raras e dispersas, no álbum digital “Arquivo_Raridades”.

Artista plural, construiu uma carreira sólida, sempre surpreendendo público e crítica a cada trabalho. Com melodias certeiras, arranjos elaborados e poesia em alta voltagem, Baleiro apresenta sua espirituosa visão de mundo em canções originais. Além disso, tem se revelado sagaz intérprete de outros compositores e se envolvido com novas áreas, como a literatura e o teatro.

Os Livros

A Rede Idiota (2014), livro mais recente de Zeca, traz textos inéditos, alguns escritos eventualmente para jornais e revistas, dedica um capítulo aos artigos publicados na coluna que manteve na IstoÉ e outro aos que escreveu sobre música para a seção Questões Musicais, no blog da Revista Piauí. É um livro de crônicas afinadas e afiadas, qualidades que não são novidade para quem conhece a arte, a inquietação e a indignação de Zeca Baleiro. Em textos que são mistura de crítica, reflexões e filosofias (de boteco, segundo o autor), o multifacetado artista desfia as cortinas de um mundo cada vez mais fragmentado pela internet e pelas redes sociais.

Seu primeiro livro, Bala na Agulha (reflexões de boteco, pastéis de memória e outras frituras), foi lançado em 2010 e reúne textos que escreveu em seu site, “mais à guisa de blague que de blog”, como costuma brincar. Música, literatura, cinema, comportamento, religião e gastronomia são alguns dos temas abordados em Bala na Agulha, que também traz memórias sentimentais de sua infância e adolescência. Completam o livro dois capítulos de poemetos, aforismos e provocações, Bestiário Pós-Moderno e Curtas, Grossas, Algumas Infames, onde Baleiro se mostra um crítico implacável da sociedade contemporânea, sem todavia perder a necessária ternura.

A Editora da Universidade Federal de Goiás publicou “Vida é um Souvenir Made in Hong Kong – Livro de Canções”, um livro com uma seleção de letras de Zeca Baleiro, numa edição com belo tratamento gráfico, ilustrações do artista Roger Mello e tiragem limitada. O livro também saiu em 2010 e faz parte da coleção Artexpressão da Editora UFG, que é voltada para o universo das artes.

Editoras

Abacatte Editorial
Aletria
Boa Viagem Distribuidora de Livros
Book Distribuidora de Livros
EIS Editora
Fimac Distribuidora de Livros
Grupo Autêntica
Magia dos Livros
Maria das Graças Toledo
Páginas Editora

Abacatte Editorial

A ABACATTE EDITORIAL surgiu a partir da convicção de seus editores de que o primeiro passo para a formação intelectual, da cidadania e do desenvolvimento emocional de pequenos leitores consiste em estimular desde cedo o prazer de ler.

A partir de cuidadosa diversidade de temas, cores, formas, traços e estilos vem produzindo em parceria com escritores e ilustradores, consagrados ou estreantes, um catálogo que nos enche de orgulho.

Estande: 9

Aletria

Contar histórias, narrar o mundo, encantar o outro, convocar sorrisos, promover alegria, difundir o prazer da leitura e formar leitores. Essas são algumas premissas que inspiram a Aletria, uma casa editorial voltada especialmente para o público infantil e juvenil.

Movimento de estímulo à boa literatura, nosso projeto editorial foca no contato positivo com o livro, relacionando aquisição de conhecimento ao prazer proveniente do ato de ler. Acreditamos no poder transformador do livro – em suas dimensões ética, política e estética – e trabalhamos para alcançar um padrão editorial capaz não apenas de atender às demandas do mercado, mas às demandas das mentes e dos corações de nossos leitores e leitoras!

Estande: 8

Boa Viagem Distribuidora de Livros

Os melhores livros das melhores editoras estão na Boa Viagem!

Estande: 5

Book Distribuidora de Livros

A Book Distribuidora de Livros é uma empresa criada em 2011, sediada em Belo Horizonte, e com atuação em todo o estado de Minas Gerais. A Book mantém parceria com diversas editoras nacionais, selecionadas a partir de critérios que começam por uma reconhecida qualidade literária, diversidade de temas e bom gosto estético, considerando principalmente os livros voltados para crianças e jovens.

Trabalhamos junto a diversos segmentos como escolas, livrarias, bibliotecas, prefeituras, entre outros, com livros para as diversas fases de desenvolvimento: bebês, primeira infância, crianças em fase de aprendizado, e leitores contumazes.

Na Book você sempre encontrará uma leitura à altura de suas melhores expectativas.

Estande: 10

EIS Editora

A EIS Editora nasceu em 2015 com o propósito de publicar livros técnicos, preferencialmente da área de saúde, ilustração científica e história das artes. A partir de meados de 2017 passamos a publicar livros impressos de literatura infantil, juvenil e contos.

Nossos livros têm conteúdo de cunho educativo, abordando o cotidiano das crianças e de nossa sociedade de forma lúdica. A EIS Editora trabalhou a produção dos livros com o cuidado e o carinho que seus clientes merecem: do papel às ilustrações, da letra à diagramação, tudo foi feito pensando em oferecer o melhor, com o menor custo possível.

Fazemos questão de que o livro se prime não só pelo conteúdo, mas também pelo seu visual. Para nós, um livro é mais do que uma boa história, um belo poema ou um conjunto de informações com finalidade de instruir ou educar. Acreditamos no livro como objeto de desejo e que ler é puro prazer.

Estande: 3

Fimac Distribuidora de Livros

50 anos distribuindo cultura e conhecimento!

Estande: 6

Grupo Autêntica

Criada em 17 de setembro de 1997, a Autêntica Editora se consolidou no mercado editorial brasileiro ao longo desse período tornando-se referência na área acadêmica.

Sempre fiel à sua perspectiva de lançar livros de qualidade, buscar assuntos inovadores e, ao mesmo tempo, diversificar o catálogo para atender às demandas de seu cada vez mais abrangente público, a casa tornou-se, em 2011, um grupo – o Grupo Editorial Autêntica. Com títulos em áreas variadas, o grupo possui quatro editoras: a Autêntica Editora, com foco em livros nas áreas de Ciências Humanas, literatura brasileira, literatura estrangeira, literatura infantil e business; a Editora Gutenberg, com títulos de interesse geral, cultura e entretenimento pra jovens e adultos; a Editora Nemo, destinada à publicação de quadrinhos, graphic novels e livros voltados ao universo geek; e a Editora Vestígio, voltada para a publicação de romances policiais, suspense e clássicos do cinema.

Estande: 2

Magia dos Livros

A Magia dos Livros Distribuidora foi fundada em fevereiro de 2011 com foco na literatura infantil e juvenil. Atende principalmente as bibliotecas de escolas públicas e privadas. Trabalha com as principais editoras do mercado e participa de feiras literárias em todo estado de Minas Gerais.

Leve a Feira Literária da Magia dos Livros para sua escola ou cidade: Porque ler é tudo de bom!

Estande: 1

Maria das Graças Toledo

Maria das Graças Aparecida Toledo nasceu em Paiva, na Zona da Mata Mineira. O gosto pela leitura ocorreu na adolescência. A partir daí escrever poemas e pequenos textos foi apenas mais um passo. Um pouco mais tarde começaria a escrever história mais longas – novelas -, mas sem intenção de publicá-las. Escrever, escrever, acumular um vasto material durante um ou dois anos e depois descartá-lo tornou-se uma prática.

Os poucos quem tinham acesso aos seus escritos eram os colegas – como ela, professores. Achavam um absurdo o “rico material”, como diziam, ir parar no lixo. O incentivo dos colegas cresceu ao longo dos anos – muitos anos se passaram – e uma dia… eis que Graça tornar-se-ia escritora, de fato. Publicou seu primeiro livro, Dores da Alma, em 2013.

Estande: 4

Páginas Editora

A Páginas Editora foi criada em 2017 e publicou, desde então, quase 30 títulos. Um dos focos da editora é a literatura para crianças, com mais de 10 livros. O catálogo inclui ainda publicações de poesia, romance, contos e técnicos.

A editora mantém como projetos sociais a Mercearioteca (biblioteca comunitária) e o Clube do Livro Infantil Solidário (Clis), que mensalmente entrega livros num evento com presença do autor e do contador de história, realizado em abrigo ou creche.

A Páginas Editora tem levado seus autores a eventos como Flipoços, Flip, Paraliteratura, Bienal do Livro de Sete Lagoas, e outros, e acredita na literatura como importante instrumento de redenção da humanidade.

Estande: 7

Fale Conosco

Instituto Ramacrisna

R. Mestre Ramacrisna, 379 – Santo Afonso
Betim – MG, 32600-971

+55 31 3438.5500

Realização

Realização: FCA, FIAT, Instituto Ramacrisna, Prefeitura de Betim, BNDES

Apoio

Apoio: FUNARBE, Câmara Mineira do Livro, Shopping Monte Carmo